R. Machado Sobrinho, 287 - Passos, Juiz de Fora - MG, 36026-380 | Telefone (32) 3224-7454 | WhatsApp (32) 99168-7520

Tutores com coronavírus devem manter distanciamento dos pets

Após dois cachorros testaram positivo para coronavírus em Curitiba em um projeto de testagens em animais da Universidade Federal do Paraná (UFPR), a Rede de Proteção Animal da prefeitura reforçou nesta terça-feira (24) que o ideal é que tutores infectados mantenham distância de seus pets, mesmo que o estudo tenha indicado que os animais não desenvolvem ou transmitem covid-19 a humanos.

“A transmissão de humano para humano continua sendo o principal fator e as medidas de prevenção que já vêm sendo tomadas devem ser mantidas. Portanto, animais de estimação podem e devem ser mantidos nas famílias”, orienta o diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria do Meio Ambiente, Edson Evaristo.

Em caso positivo de coronavírus em seres humanos, é importante que o tutor mantenha certo distanciamento dos cães e gatos.

“Não é preciso que haja uma separação, mas reduzir hábitos como o de deixar o animal dormir na cama é recomendado”, diz o diretor.

Além disso, caso o dono do animal precise ser internado, é importante deixar os pets sob os cuidados de alguém de confiança ou em um local especializado neste tipo de serviço. Assim, ficam garantidos os cuidados para o bem-estar de ambos.

“Abandono de animais é crime ambiental, com previsão de multa e reclusão de dois a cinco anos”, explica Evaristo.

O estudo

Conforme a UFPR, os casos de cachorros que testaram positivo para coronavírus são os primeiros confirmados em cães pelo projeto, que é exclusivo no Brasil nas cidades de:

  • Curitiba (PR)
  • Belo Horizonte (MG)
  • Campo Grande (MS)
  • Recife (PE)
  • São Paulo (SP)
  • Cuiabá (MT) – onde um gato foi confirmado com a doença com a ajuda do projeto

O primeiro cão confirmado com covid-19 foi um macho adulto da raça Bulldog Francês cujo tutor testou positivo para SARS-CoV-2 no RT-PCR.

De acordo com a vítima, ele percebeu uma secreção nasal no cão, que em um primeiro teste apresentou uma quantidade pequena de vírus no organismo. Poucos dias depois ambos tiveram resultado negativo para o vírus no corpo.

Já o segundo caso foi de um cachorro macho adulto sem raça definida, que a tutora positivou para coronavírus. Conforme ela, dos seus quatro cães apenas um apresentou espirros e testou positivo para a covid-19.

 

Fonte: Ricmais.com.br

Compartilhar

Cão

Posts relacionados

Contato

Telefone

Telefone (32) 3224-7454
WhatsApp (32) 99168-7520

Horário

Seg a Sex de 9h às 20h
Sáb e Dom de 9h às 18h

Endereço

R. Machado Sobrinho, 287 - Passos, Juiz de Fora - MG, 36026-380

    Clínica Veterinária Mais Pets Contato
    Contato via WhatsApp